Início | Hoje | Mais ▼
Acerca | RSS | Registar | Entrar

Três quartos das escolas secundárias vão sair do património do Estado

Empresa pública será proprietária de inúmeros terrenos que poderão ser alienados de forma mais fácil a partir do momento em que saírem do património do Estado. Todas as escolas que estiveram, estão ou virão a estar em obras, no âmbito do programa de modernização dos seus edifícios tutelado pela Parque Escolar, vão deixar de integrar o património do Estado para passar a ser propriedade daquela entidade pública empresarial, indicou ao PÚBLICO o seu presidente, João Sintra Nunes.

Link para este artigo:

http://publico.pt/1422798

Artigos relacionados