Início | Hoje | Mais ▼
Acerca | RSS | Registar | Entrar

Fundação que gere Magalhães deve 109 milhões de euros às operadoras

A Fundação para as Comunicações Móveis, gestora dos programas e.escola e e.escolinha e que é objecto de uma comissão de inquérito, deve 109 milhões de euros à TMN, Vodafone e Optimus, disseram os presidentes das operadoras de telecomunicações. Os presidentes executivos da Portugal Telecom (PT), Vodafone e Sonaecom foram ouvidos esta semana na comissão de inquérito à Fundação para as Comunicações Móveis (FCM). O presidente executivo da PT, Zeinal Bava, disse que a FCM deve à TMN 96 milhões de euros, 86 milhões de euros referentes ao programa e.escola e sete milhões relativos ao programa e.

Link para este artigo:

http://publico.pt/1429544

Artigos relacionados