Início | Hoje | Mais ▼
Acerca | RSS | Registar | Entrar

Caso CTT: Suspeitos desenharam esquema de comissões

As agendas e notas pessoais de alguns suspeitos foram decisivas para a investigação. Relatório da PJ, a que o DN teve acesso, desmonta todo o esquema de pagamento de comissões. As agendas e notas pessoais de alguns dos arguidos do caso dos CTT foram um excelente ponto de partida para a Polícia Judiciária. Em vários documentos apreendidos a Júlio Macedo, antigo administrador da empresa que comprou o imóvel de Coimbra e que é suspeito de corrupção activa, constam desenhos com esquemas do pagamento de comissões. Os beneficiários são referidos por iniciais.

Link para este artigo:

http://dn.pt/inicio/portugal/interior.aspx?content_id=1303004

Artigos relacionados