Início | Hoje | Mais ▼
Acerca | RSS | Registar | Entrar

Pai queria que ele fosse contabilista

Ainda estava no primeiro ano do curso de Finanças, Cavaco Silva sentiu-se iluminado por uma grande certeza: julgou ter encontrado um esquema infalível para acertar na chave do Totobola. As dúvidas com que os colegas de curso receberam a descoberta não o demoveram. Aníbal estava determinado em provar que não estava enganado. Ganhou três contos, o que na época correspondia a dois meses de salário de um funcionário público de topo. Mas ao fim de meses de apostas perdeu o que ganhou – e desistiu.

Link para este artigo:

http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/nacional/actualidade/pai-queria-que-ele-fosse-contabilista

Artigos relacionados