Início | Hoje | Mais ▼
Acerca | RSS | Registar | Entrar

Custos dispararam nas obras da Parque Escolar em benefício dos empreiteiros

As obras de modernização da escola secundária Passos Manuel, em Lisboa, geridas pela empresa pública Parque Escolar, custaram mais 46,5% do que estava inicialmente previsto, devido sobretudo a uma série de “trabalhos a mais” entregues à Mota-Engil, a empresa responsável pela obra, conclui uma auditoria do Tribunal de Contas divulgada esta quarta-feira. Estes trabalhos não resultaram de “circunstâncias imprevistas” e violam as disposições legais em vigor, acrescenta-se no relatório.

Link para este artigo:

http://publico.pt/1551256

Artigos relacionados