Início | Hoje | Mais ▼
Acerca | RSS | Registar | Entrar

Governo: "Golpe fatal" põe Manuel Pinho fora do Governo (SÍNTESE)

Lisboa, 02 Jul, Lusa - Dois dedos na cabeça, em forma de chifres, apontados ao líder da bancada parlamentar comunista, Bernardino Soares, ditaram hoje a saída do Governo do ministro da Economia, Manuel Pinho. Questionado à saída do Parlamento sobre o incidente durante o debate do Estado da Nação, Manuel Pinho respondeu aos jornalistas que tinha, "absolutamente", condições para continuar no Governo. Mas pouco depois foi noticiado que tinha pedido a demissão, que o primeiro-ministro aceitou. "Foi um golpe fatal para o senhor ministro da Economia.

Link para este artigo:

http://aeiou.expresso.pt/=f524162

Artigos relacionados