Início | Hoje | Mais ▼
Acerca | RSS | Registar | Entrar

Digam tudo, mas não que faltam médicos

O que faz falta ao SNS são recursos humanos, não médicos, que aliviem os médicos de realizar as atividades que não são do seu foro. Não há falta de médicos em Portugal. De facto, a seguir à Grécia e à Áustria, somos o país com maior quantidade de médicos por número de habitantes, entre os 36 da OCDE. E ocupamos o terceiro lugar, apenas atrás da Irlanda e da Dinamarca, em volume de médicos formados, por ano e por número de habitantes. (Ver: Recent Trends in International Migration of Doctors, Nurses and Medical Students, OECD Publishing, 2019, Paris.

Link para este artigo:

http://publico.pt/1927133

Artigos relacionados