Início | Hoje | Mais ▼
Acerca | RSS | Registar | Entrar

O exemplo de Sampaio e a democracia “de baixo para cima”

Se a plenitude da democracia é um processo sempre inacabado, a luta por um socialismo democrático numa sociedade mais coesa, justa e equilibrada está ao nosso alcance. Como a pequenina luz bruxuleante – no poema de Jorge de Sena – que perdura e brilha, a utopia de um humanismo universalista é o melhor antídoto da distopia. Pode o exemplo de Jorge Sampaio inspirar uma política democrática onde as lógicas “bottom up” e “top-down” possam combinar-se num equilíbrio virtuoso?

Link para este artigo:

http://publico.pt/1977490

Artigos relacionados